Massacre em Orlando: transformar o luto em resistência

68

um82

Massacre em Orlando: transformar o luto em resistência

A madrugada de Orlando-EUA foi manchada de sangue no último domingo. Com 49 mortos , e 53 feridos, o ataque partiu de um homem armado com um fuzil AR-15 dentro da boate Pulse e durou quase três horas.

Esse horror difícil de narrar, ganhou versões de ataque terrorista e de insanidade. Em verdade, a arma que o atirador Omar Mateen utilizou estava carregada de LGBTfobia, de xenofobia e da cultura da violência. Traços de uma sociedade capitalista que se beneficia das divisões entre os trabalhadores.

Para o ativista Carlos Daniel, do setorial de LGBT da CSP-Conlutas:  “Pessoas que fazem isso estão imbuídas de ódio. Claro que a religião pode influenciar, e não só por parte dos fundamentalistas, também pelo Vaticano, mas não se trata de terrorismo, se trata de um ato de ódio.  E quando dizem que poderia ter acontecido com ‘qualquer um’, vale lembrar que quando um atirador invade uma igreja, é para matar negros, quando um atirador invade uma boate, é para matar LGBTs, quando acontece um estupro coletivo, a vítima é a mulher. Os alvos são os grupos de minorias”.

O ódio que moveu esse assassino está presente no cotidiano da sociedade, toda vez que permitimos que o preconceito se reproduza. Infelizmente, o massacre de Orlando não é um episódio isolado. O Brasil é o país que mais mata travestis e transexuais no mundo. As redes sociais são instrumentos de organização da luta mas também expressam esse preconceito: comentários contra LGBTs estão presentes nas postagens sobre o massacre e chegam a afirmar que o atirador mereceria uma medalha pelo que fez.

Pelos 49 mortos, resistiremos!

Contra toda essa expressão de preconceito, o setorial LGBT da CSP-Conlutas organiza um ato de protesto ao massacre de Orlando na próxima quarta-feira (15) às 19h em São Paulo.

A Direção do Sinditest presta solidariedade às vítimas desse massacre e se somará aos lutadores que tomam as ruas contra todas as formas de opressão!

Compartilhar.

Autor

68 Comentários

  1. Definitely imagine that that you said. Your favourite reason seemed to be at
    the internet the easiest factor to bear in mind of.
    I say to you, I definitely get annoyed while other folks think about worries that they just
    do not know about. You controlled to hit the nail
    upon the highest and defined out the entire thing
    without having side effect , other people can take a signal.
    Will likely be again to get more. Thanks http://hydroxychloroquined.online/

Leave A Reply

X