Nota de Esclarecimento acerca do Ponto Eletrônico

0

59

Somente uma assembleia dos técnicos administrativos pode reverter a decisão tomada pela categoria, no 31 de março, última quinta-feira, que foi – Não bater o ponto eletrônico – até que o Conselho Universitário delibere, ainda neste mês de abril, sobre as alterações na Resolução 56/11, que trata da jornada flexibilizada. Por defender que a assembleia da categoria é soberana e só ela pode deliberar ou revogar decisões, a direção do Sinditest convocará para esta quinta-feira, dia 7, uma assembleia para consultar os trabalhadores.

Este esclarecimento se faz necessário porque um dia após a tomada de decisão da categoria, em assembleia (não bater ponto eletrônico e adoção da frequência manual), a Reitoria, por meio de seu pró-reitor de Administração Edelvino Razzolini Filho publicou no site da PRA (www.pra.ufpr.br/portal/) uma nota de esclarecimento intimidando os servidores que não estão batendo o ponto. Diz a nota: “O não registro é passível de responsabilização dos servidores e servidoras e de suas respectivas chefias”. O que isto significa? Descontos nos salários dos dias trabalhados mas não registrados eletronicamente?

Esta medida se choca frontalmente com a garantia dada pelo reitor Zaki Akel Sobrinho, que assegurou o final de junho como prazo para que todas as inconsistências verificadas fossem resolvidas e que, portanto, não seria justo os servidores pagarem por um problema técnico. Vale lembrar que a decisão de não bater o ponto eletrônico se deveu pelo fato da grande maioria dos trabalhadores não terem a jornada de trabalho flexibilizada aprovada/homologada.

Para sanar todas as dúvidas apresentadas, o Departamento Jurídico do Sinditest está enviando hoje, segunda-feira 6, oficio à Progepe solicitando uma série de informações. Entre elas estão se o sistema está atualizado para que o servidor que tem direito às 30 horas, bata o ponto com essa carga horária? Ou fará 30 horas e terá que registrar 40? O Sinditest também está enviando oficio à Reitoria solicitando uma reunião para esclarecer essas questões.

Em resumo, até quinta feira dia 7. Mantém-se a decisão tomada em assembleia do dia 31: frequência apenas de forma manual.

Compartilhar.

Autor

Leave A Reply

X