VITÓRIA! Oposição aos governistas elege maioria na Direção Nacional da FASUBRA

114

Balanço preliminar, Por Márcio Palmares

O maior congresso da história da nossa federação terminou na sexta-feira, 8 de maio, com uma acirrada disputa entre apenas duas chapas. O resultado –648 a 620– surpreendeu a todos por reduzir para 28 votos a diferença entre as forças oponentes, que era estimada em 40 votos. Surpresas à parte, o resultado confirmou a expectativa geral: o XXII CONFASUBRA significaria uma inflexão na história recente da federação: daria a vitória às forças de oposição ao governo federal.

Essa polarização entre a oposição de esquerda e as correntes governistas perpassou o congresso, do início ao fim. Era preciso saber se a maioria da Direção Nacional da FASUBRA continuaria cumprindo um papel de subordinação disfarçada ao governo ou retomaria sua independência.

Embora as delegações se esforçassem para debater os temas propostos na programação, todos esperavam, na verdade, o desenlace desse conflito.

A primeira característica do XXII CONFASUBRA foi, portanto, esta: uma colisão frontal entre forças políticas opostas. Foi por essa razão que a proposta de realização de dois congressos (um eleitoral e outro para a discussão programática e política) apareceu o tempo todo no plenário e nos grupos de discussão. De fato, a tensão criada pela disputa da direção diminui o empenho das delegações e forças políticas nas demais discussões em pauta.

A segunda característica do XXII CONFASUBRA foi o choque entre duas ou até três gerações. Durante muito tempo –na era FHC, por exemplo– não houve concurso público para renovar a força de trabalho nas nossas universidades. Os postos de trabalho vagos foram ocupados pela exploração desenfreada dos estudantes (“bolsistas”) ou dos “precarizados”: fundacionais e terceirizados. Enquanto isso, nossa categoria envelhecia. Quando os concursos recomeçaram –já na era Lula– os novos servidores depararam-se com os antigos e, entre eles, havia um abismo geracional. Essa diferença se expressa em diversos terrenos. Entre eles, no terreno da política, das concepções de prática sindical e no terreno das ideologias.

A geração de dirigentes sindicais e ativistas das nossas universidades que está hoje na casa dos 50-60 anos foi jovem na década de 1980. Viveram a fundação do PT e da CUT. Presenciaram o fim da ditadura. Enfrentaram a década de 1990, o auge do neoliberalismo, já cuidando de seus filhos, então adolescentes problemáticos. Muitos deles deram o melhor de suas vidas para nossas universidades e hospitais e também para construir o PT, a CUT e a FASUBRA. Agora, quando começam a chegar perto da aposentadoria e a se preocupar com os netos, o governo e as políticas do PT não se parecem em nada com o partido que eles fundaram. Um governo que tira a pensão das viúvas, a proteção aos desempregados, o auxílio aos doentes, não pode ser um governo dos trabalhadores. Ao confrontar a realidade, veem-se diante de uma conclusão cruel demais: teriam desperdiçado suas vidas?

Enquanto a angústia profunda da experiência com a traição devora-os por dentro, alguns jovens que têm a idade de seus filhos atiram-lhes na cara, de forma impiedosa, a acusação de “traidores”, “governistas”. Esses jovens vêm hoje ao congresso da federação em ônibus confortáveis ou em aviões. O próprio congresso se dá num hotel confortável, com uma alimentação que a maioria não tem em casa (somos uma categoria pobre). A nova geração não passou pela experiência de realizar congressos em ginásios, viajar dias e dias em ônibus caindo aos pedaços, dormir no chão, comer marmita. Receberam tudo pronto, de mão beijada. E só entraram na universidade porque os antigos lutaram para que houvesse concurso. Não. Definitivamente a velha geração não quer ouvir a nova. Ela prefere se agarrar à memória dos velhos tempos.

Por sua vez, a nova geração foi criança na década de 1980 ou 1990. Cresceu na era Lula. Viu Lula atacar a previdência social já em 2003. Revoltou-se contra as traições do PT mas sem se sentir traída, pois não carrega em si o peso das recordações e a responsabilidade pelo presente. Essa geração enxerga sem nenhuma dificuldade a necessidade de se desvencilhar do governo Dilma Rousseff, mas não consegue se comunicar com a geração anterior. O resultado das urnas mostrou que os delegados e delegadas não mudaram de posição após o confronto. Mantiveram-se com os pontos de vista com que chegaram ao congresso.

O que devemos fazer para romper o abismo geracional e político e unificar nossa categoria? É o grande problema que precisamos resolver.

A terceira característica do XXII CONFASUBRA foi o esforço coletivo para superar as falhas organizativas (inerentes a um congresso com mais de 1200 [email protected]) e o respeito de ambas as partes ao resultado das urnas. Uma vez resolvidas as divergências do credenciamento, a democracia foi religiosamente respeitada. Nenhum incidente foi registrado.

Finalmente, a quarta e última característica: o XXII CONFASUBRA foi um congresso de preparação para a guerra social que acaba de começar. Foi um congresso para deflagrar uma greve. Dessa vez, a maior de todas. E isso se deve mais ao rigor das medidas do inimigo do que às nossas forças. Somos uma categoria combalida: empobrecida e endividada, com problema de saúde, de idade. Mas o que nos falta de recursos, nos sobra de coragem.

E essa foi a mensagem transmitida pelo Congresso: vamos lutar com tudo o que temos, até morrer. Carregamos nossas universidades e hospitais nas costas –para que por sobre os nossos ombros os professores pudessem lecionar e os alunos aprender– há muitos anos. E durante todo esse tempo defendemos nossa carreira, nossos salários e condições de trabalho. Não será agora que vamos abandonar tudo à destruição que o governo quer promover.

Unificar para Lutar! Todos à greve e à luta em defesa dos nossos direitos! Não aos planos de austeridade! Rumo à Greve Geral!

Compartilhar.

Autor

114 Comentários

  1. 986240 845605You should participate in a contest for probably the greatest blogs on the web. I will recommend this internet internet site! 29833

  2. Hey would you mind sharing which blog platform you’re
    working with? I’m looking to start my own blog in the near future but I’m having a hard time making a
    decision between BlogEngine/Wordpress/B2evolution and Drupal.
    The reason I ask is because your design and style seems different then most
    blogs and I’m looking for something unique.
    P.S My apologies for being off-topic but I had to ask! http://ciaalis2u.com/

  3. You can certainly see your expertise in the article you write.The world hopes for even more passionate writers such as you who aren’t afraid to say howthey believe. All the time follow your heart.

  4. I’m not sure where you’re getting your info, but good topic.I needs to spend some time learning more or understanding more.Thanks for fantastic info I was looking for this information for mymission.

  5. Hello my friend! I want to say that this article is amazing, great written and include almost all important infos.I would like to see more posts like this .My blog post – Sage Elixir CBD Oil

  6. Hi there! I simply would like to give you a huge thumbs up for the excellent info you have got right here on this post. I am returning to your blog for more soon.

  7. What’s Happening i am new to this, I stumbled upon this I have found It absolutely helpful and it has aided me out loads. I hope to contribute & help other users like its helped me. Good job.

  8. Aw, this was an exceptionally nice post. Spending some time and actual effort to produce a very good articleÖ but what can I sayÖ I put things off a lot and don’t manage to get nearly anything done.

  9. I haven’t checked in here recommendations for an omega 3 dietsome time since I thought it was getting boring, but the last few postsare great quality so I guess I’ll add you back to my daily bloglist.You deserve it my friend 🙂

  10. A fascinating discussion is worth comment. I think that you should write more on this subject matter, it might not be a taboo subject but usually folks don’t talk about such topics. To the next! Cheers!!

  11. Aw, this was a very nice post. Taking the time and actual effort to generate a very good article… but what can I say… I procrastinate a whole lot and never manage to get anything done.

  12. Thank you for every other wonderful article. The place else may anyone get that kind of information in such an ideal manner of writing? I have a presentation next week, and I’m at the look for such information.

  13. Hi there, just became alert to your blog through Google, and found that it is truly informative. I?m gonna watch out for brussels. I?ll be grateful if you continue this in future. Numerous people will be benefited from your writing. Cheers!

  14. Thanks for another excellent post. Where else could anyone get that type of info in such an ideal way of writing? I have a presentation next week, and I am on the look for such info.

  15. Nice post. I was checking continuously this blog and I’m impressed!Very helpful info particularly the last part 🙂 I care for such infomuch. I was seeking this particular information for a very long time.Thank you and best of luck.

  16. Hey! I just wanted to ask if you ever have any trouble with hackers? My last blog (wordpress) was hacked and I ended up losing months of hard work due to no back up. Do you have any solutions to protect against hackers?

  17. สำหรับ การเล่นสล็อต นั้นมีพัฒนาการมาอย่างยาวนาน ในสมัยก่อนจะมีลักษณะเป็นตู้สล็อตแมชชีนที่ วิธีเล่นสล็อต จะใช้คันโยกเป็นตัวเสี่ยงรางวัล และรอลุ้นว่าสัญลักษณ์ในช่องจะตรงกันหรือไม่เพื่อรับรางวัลเป็นต้น

Leave A Reply

X