Setor de Biológicas pode ter 30 horas homologadas na quinta, 31

0
Mezzadri (à direita): "30 horas deveriam ser uma política institucional".

Mezzadri (à direita): “30 horas deveriam ser uma política institucional”.

O vice-diretor do Setor de Ciências Biológicas da UFPR, Fernando Mezzadri, pediu prazo até a tarde de quarta-feira, 30, para ouvir novamente as chefias imediatas e dar uma reposta sobre a implantação da jornada flexibilizada no setor. A expectativa é que as réplicas possam ser anexadas ao processo que solicita as 30 horas já na quinta-feira, e o documento enviado para a homologação.

O pedido de Mezzadri foi feito na segunda-feira, 28, durante uma reunião com a diretoria do Sinditest-PR e técnicos que compõem a base do sindicato.

O processo que implanta a jornada flexibilizada no Setor de Biológicas já tramitou pelo Conselho Universitário (Coun), com parecer favorável do relator, José Olivir de Freitas Junior. À época, as chefias imediatas puderam se manifestar sobre o tema, e quase todas foram contrárias à implantação. No entanto, essas manifestações foram definidas como “vagas”, “inconsistentes” e “redundantes” pelo relator.

O vice-diretor Mezzadri agora quer ouvir as chefias novamente, a fim de tornar a implantação das 30 horas menos traumática no setor. Para ele, a implantação cabe a essas chefias e não à direção. “As boas relações de trabalho e a busca do respeito estão se destruindo porque essa não uma política institucional da UFPR”, reclamou ele.

Mezzadri também cobrou uma posição clara da reitoria sobre o tema. “Essa devia ser uma política da instituição, e não jogada para as chefias imediatas. Precisa haver uma posição da reitoria. Eu acho que essa deveria ser uma política da Universidade Federal do Paraná”, pediu.

30 horas já garantidas pelo Coun
Carlos Pegurski, coordenador-geral do Sinditest-PR, reforçou durante a reunião que a decisão do Coun está tomada, e não cabe mais contestação por parte dos chefes de departamento. “Que o Biológicas vai fazer 30 horas já está dado pela comissão do Coun, agora nós só vamos garantir como”, explicou. “Nós não estamos julgando o mérito, a comissão já fez isso. Agora, me parece que devíamos pactuar um prazo para as chefias. Nós temos que viabilizar as 30 horas”, reforçou.

O vice-diretor Mezzadri disse que estuda, a fim de garantir a jornada flexibilizada em departamentos com menor número de técnicos, a criação de uma secretaria unificada. Outra possibilidade é a fusão de algumas secretarias de departamento.

Sandoval Matheus,
Assessoria de Comunicação Social do Sinditest-PR.

Compartilhar.

Autor

Leave A Reply

X