Servidores do HC podem ajudar PF a aprofundar investigações sobre “médicos fantasmas”

0

Os servidores técnico-administrativos do Hospital de Clínicas (HC) da UFPR que tenham informações que possam colaborar com a Polícia Federal nas investigações sobre os “médicos fantasmas” do hospital, que recebiam sem cumprir a carga horária de trabalho, devem procurar o Sinditest até a próxima terça-feira, 09 de junho.

Os servidores poderão assinar um acordo de delação premiada e ficarão isentos de responsabilidade penal, mesmo que tenham tomado parte no ato ilícito, por exemplo, tendo fraudado os cartões-ponto a pedido dos médicos.

O sigilo de identidade dos informantes também é garantido pela Polícia Federal.

A PF já deixou claro que pretende ampliar a aprofundar as investigações, e para isso conta com a colaboração dos servidores.  Os acordos de delação premiada se baseiam em precedentes da Justiça. O caso de cada servidor será acompanhado pelos advogados do Sinditest.

“Nós temos a certeza da boa-vontade da Polícia Federal em investigar eventuais ilícitos e acreditamos que a colaboração dos servidores é de fundamental importância para um Hospital de Clínicas mais transparente”, destaca o advogado Ramon Bentivenha, do Sinditest.

Sandoval Matheus
Assessoria de Comunicação do Sinditest

Compartilhar.

Autor

Leave A Reply

X