Conheça os 22 deputados paranaenses favoráveis à PEC da Morte

0

om5Você se lembra do ex-prefeito de Curitiba e atual deputado federal Luciano Ducci? Ele foi um dos parlamentares do Paraná que disse SIM ao Projeto de Emenda Constitucional 241 – a PEC da Morte. Só lembrando, esta medida é de autoria do Governo Federal e estipula um teto para os gastos públicos e congela os investimentos em saúde e educação pelos próximos 20 anos.

Ducci, o prefeito médico, não está sozinho nesta empreitada canalha contra a população mais pobre: outros 21 deputados da bancada estadual também foram favoráveis à aprovação da emenda na Câmara Federal, em Brasília.

Do ponto de vista da prestação de serviços públicos, fundamentais à classe trabalhadora, a PEC 241 é um fracasso total. Mesmo que a economia volte a crescer, serão 20 anos de contratações limitadas, sem reajustes salariais, sem investimentos em infraestrutura, em segurança e em outras áreas prioritárias. Com o congelamento, hospitais e escolas continuarão do jeito que estão. O que hoje não é bom, ficará ainda pior.

Amarelaram

Christiane Yared (PR), Dilceu Sperafico (PP), Takayama (PSC) e Zeca Dirceu (PT) ‘tiraram o corpo fora’ e não participaram da primeira votação da PEC 241 na Câmara dos Deputados, realizada na semana passada, dia 10 de outubro.  As ausências ajudaram a aprovação da emenda. Foram 366 votos a favor, 111 contra e duas abstenções.

Dia D

A próxima segunda-feira, dia 24, é crucial para o povo brasileiro. É quando os deputados e deputadas federais se reúnem no plenário novamente para a segunda votação da PEC da Morte, que, se aprovada, segue para o Senado.

Para os trabalhadores e trabalhadoras da base do Sinditest o dia 24 é igualmente importante, com início de greve por tempo indeterminado. Vamos dizer NÃO à PEC 241 e mandar um recado claro aos(as) deputados(as): não vamos aceitar nenhum direito a menos!

Saiba quem são os 22 ‘Inimigos da População’. Mande e-mails a eles criticando o voto dado.

Ponta Grossa

Sandro Alex (PSD) dep.sandroale[email protected]

Maringá

Edmar Arruda (PSD) [email protected]

Luiz Nishimori (PR) [email protected]

Curitiba

Fernando Francischini (SD) [email protected]

Evandro Roman (PSD) [email protected]

Rubens Bueno (PPS) [email protected]

Osmar Serraglio (PMDB) [email protected]

João Arruda (PMDB) [email protected]

Leandre (PV) [email protected]

Luciano Ducci (PSB) [email protected]

Paulo Martins (PSDB) [email protected]

Cascavel

Hermes Parcianello (PMDB) [email protected]

Sergio Souza (PMDB) [email protected]

Alfredo Kaefer (PSL) [email protected]

Nelson Padovani (PSDB) [email protected]

Londrina

Alex Canziani (PTB) – [email protected]

Luiz Carlos Hauly (PSDB) [email protected]

Jacarezinho

Diego Garcia (PHS) [email protected]

São José dos Pinhais

Leopoldo Meyer (PSB) [email protected]

Pato Branco

Giacobo (PR) [email protected]

Francisco Beltrão

Nelson Meurer (PP) [email protected]

Fazenda Rio Grande

Toninho Wandscheer (PROS) [email protected]

Silvia Cunha,
Assessoria de Comunicação e Imprensa Sinditest-PR.

Compartilhar.

Autor

Leave A Reply

X