RPC veicula matéria sobre leitos parados no HC, mas é parcial ao apresentar informações

576

leitoshc638A RPCTV, afiliada da Rede Globo no Paraná, veiculou na última sexta-feira, 20, uma reportagem a respeito do fechamento de leitos de UTI no Hospital de Clínicas, por conta da greve deflagrada há dois meses pelos técnicos administrativos das universidades federais de todo o país. A direção do Sinditest-PR considera o conteúdo veiculado fora de contexto, sem as necessárias informações que dariam ao telespectador uma ideia mais acertada a respeito do que acontece no HC e, por isso, tendencioso.

O mais importante: segundo funcionários do HC, a UTI que aparece nas imagens da RPC foi fechada há cinco anos, inicialmente para reformas, mas nunca mais reabriu, por falta de pessoal.

Mas isso não é tudo. Enquanto Adonis Nasr, gerente de Atenção à Saúde do HC, tem um espaço de 20 segundos para explicar a posição do hospital, o diretor do Sinditest-PR José Carlos Assis fala por apenas seis segundos. Pode parecer pouco, mas é mais que o triplo do tempo, e em uma peça audiovisual de 2 minutos e 17 segundos, faz toda a diferença na percepção do telespectador. Os editores da emissora nem ao menos tiveram a sensibilidade de escolher um trecho da entrevista em que José Carlos manifestasse a perspectiva dos trabalhadores; colocaram em sua boca uma informação meramente factual, um claro modo de diminuir ainda mais o impacto de suas palavras.

Com algum esforço de pesquisa, ou se houvesse apenas ouvido mais atenciosamente o que tinha a dizer a direção do Sinditest-PR, a repórter da emissora teria descoberto que as UTIs do HC já funcionam muito aquém de sua capacidade mesmo nos períodos em que não há greve, e que essa é justamente uma das reivindicações do movimento de paralisação, a melhora dos serviços prestados aos cidadãos.

A UTI Cardíaca, por exemplo, tem 12 funcionários para oito leitos. De acordo com uma delas, mesmo antes da greve havia dias que a unidade só funcionava porque incorporava técnicos e auxiliares de enfermagem de outros locais, no Adicional de Plantão Hospitalar. Mesmo motivo pelo qual, agora, a direção do hospital diz ser impossível cumprir a determinação da Justiça.

A greve, é claro, tem um inegável custo social. Mas é um custo social temporário, e que pretende justamente pressionar o poder público a corrigir o descaso permanente com que trata a saúde no país. É injusto colocar todo o peso desse custo nas costas de trabalhadores que já operam no limite de sua capacidade física e mental, sem condições ou mínimos equipamentos de segurança.

A RPC não demonstrou a mesma verve na defesa da saúde pública quando veio à tona a informação de que o vice-reitor da UFPR, Rogério Andrade Mulinari, faltava sistematicamente ao trabalho no HC para participar de eventos institucionais irrelevantes, apenas a fim de fazer política, enquanto continuava recebendo como médico – ainda continua.

A reportagem ainda poderia citar, mesmo de passagem, se tivesse boa vontade para tanto, que a decisão da Justiça é uma clara afronta à Lei de Greve, que garante a todos os trabalhadores o direito de cruzar os braços por melhores condições em seus postos. A lei fala da não interrupção total dos serviços essenciais, determinação que foi cumprida à risca pelos funcionários do HC desde o início do movimento. Para tanto, trabalhadores e sindicato organizaram sozinhos essas escalas, já que a direção do hospital se negou a discutir isso – algo que, pela Lei de Greve, deveria se dispor a fazer.

Também foi do Sinditest-PR a proposta, acatada pela Justiça, de suprir a demanda judicial com a distribuição de mais Adicionais de Plantões Hospitalares para os trabalhadores que não aderiram à paralisação. Essa lista começou a ser organizada há mais de duas semanas, enquanto a direção do HC seguia paralisada e agora, sob a ameaça de uma multa diária de R$ 10 mil, pretende jogar todo o peso da opinião pública em cima do movimento grevista, com alguma colaboração de emissoras de TV.

Desde a adesão do HC à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) – que, aliás, dizia-se, resolveria todos os problemas do hospital, mas até agora nada fez – a direção do Sinditest-PR não nutre grandes expectativas sobre a cobertura da imprensa acerca do que acontece no hospital e na UFPR. No entanto, é seu dever se manifestar quando o olhar da mídia alcança tal ponto de distorção, e tentar corrigir o foco para a sociedade na medida do possível, mesmo sem ter o mesmo poderio econômico, a mesma estrutura e a mesma capilaridade da RPCTV, o que torna a batalha de informações um tanto desleal.

Por último, a direção do Sinditest-PR lamenta que o Brasil, no momento, não tenha uma lei que regulamente o direito de resposta em veículos de imprensa, o que deixa a classe trabalhadora à mercê do pensamento único de grandes grupos empresariais.

Compartilhar.

Autor

576 Comentários

  1. Hi I am so thrilled I found your blog page, I really found you by accident, while I was searching on Google for something
    else, Anyhow I am here now and would just like to say kudos for
    a marvelous post and a all round enjoyable blog (I also love the theme/design),
    I don’t have time to look over it all at the minute but I
    have bookmarked it and also added in your RSS feeds, so when I have time I will be back to read a lot more,
    Please do keep up the great work. https://www.herpessymptomsinmen.org/productacyclovir/

  2. Pingback: cytotmeds.com

  3. Pingback: drug interactions with prednisone

  4. Pingback: proof hydroxychloroquine works

  5. Pingback: dapoxetine 60 mg duration

  6. Pingback: priligy coupon free

  7. Pingback: dallas cowboy dating site free

  8. Pingback: michigan governor bans hydroxychloroquine

  9. Great goods from you, man. I have understand your stuff
    previous to and you are just extremely fantastic. I actually like what you’ve acquired here, certainly like what you’re stating and the way in which you say it.

    You make it enjoyable and you still take care of to keep it sensible.
    I cant wait to read far more from you. This is actually a tremendous web site. https://buszcentrum.com/zithromax.htm

  10. Pingback: stromectol indication & uses

  11. Pingback: buy stromectol 12 mg online uk

  12. Pingback: how to buy dapoxetine

  13. Pingback: stromectol hydrate 6 mg

  14. Pingback: antiparasitic buy ivermectin canada cheap

  15. Метод семейных расстановок по Берту Хеллингеру.
    Метод семейных расстановок по Берту Хеллингеру Духовные расстановки.

    Системные расстановки.
    Метод системных семейных расстановок.

    Духовные расстановки. Расстановки по Хеллингеру.

  16. Pingback: ivermectin 6mg

  17. Pingback: beantownbottom gay dating

  18. Pingback: gay smell dating

  19. Pingback: ivermectin 12 mg dosage

  20. Pingback: ivermectin stays in system for

  21. Pingback: dosing ivermectin 1.87% for humans

  22. Для вас шесть последних сериалов для истинных ценителей ужасов.
    Чики смотреть онлайн смотреть онлайн, сезон, сериала.
    Скачивайте по рейтингу, Сериалы жанра “Криминал”.
    Помимо прочего наш проект даёт таблицу каналов Москва-24, HD Первый канал, 4K Матч ТВ, прямой эфир НТН, трансляция Канал Disney.

  23. Приготовили для Вас пятнадцать топовых сериалов для
    истинных ценителей романтических комедий.
    Бумажный дом 5 сезон 7 серия смотреть онлайн сезон,
    все серии сериала. Скачивайте по планируемой дате
    выхода, Сериалы жанра “Ужасы”.
    Опять же мы вам даёт перечень каналов
    Пятый канал, HD Канал Disney, 4K ПлюсПлюс, прямой эфир 360°, трансляция
    Россия 24.

  24. Здесь семь самых популярных сериалов для
    настоящих фанатов дедективов.
    Когда выйдет полицейский с Рублевки 7 сезон новый сезон, новые серии.
    Скачивайте по предпологаемой дате выхода, Сериалы жанра “Криминал”.
    Точно также мы всегда готова предоставить номенклатуру различных каналов Eurosport 1,
    HD 2х2, 4K Домашний, прямой эфир Культура, трансляция Культура.

  25. Pingback: hydroxychloroquine 100mg

  26. Pingback: ivermectin adult dosage

Leave A Reply

X