Fundo de Greve

0

A Fasubra – entidade nacional que reúne os(as) trabalhadores (as) das universidades federais brasileiras orientou os sindicatos a ela filiados que contribuíssem com o fundo de greve para pagamento das despesas das atividades.

O Sinditest, apresentou em assembleia da categoria a proposta de que 1% do salário base dos(as) trabalhadores fosse destinado para este fundo de grave. A proposta foi aprovada na assembleia do dia 1° de novembro , realizada no pátio da Reitoria.

Portanto, a partir do dia 1° de dezembro (contracheque de novembro) viria um desconto de 1%, referente à mensalidade normal mais 1% para o fundo de greve.

O Sinditest solicitou que o SERPRO, em Brasília, lançasse o desconto dos 2% sobre o salário base no contracheque de todos os seus filiados da UFPR, UTFPR, UNILA. No caso dos(as) trabalhadores(as) da FUNPAR foi aprovado na instância máxima da categoria, a ASSEMBLEIA, uma contribuição de 0,5%, totalizando um desconto, portanto, de 1,5% (1,0 da mensalidade e 0,5 do fundo de greve).

Para surpresa da direção do Sinditest, apesar de ter sido anexado ao sistema do SERPRO um único arquivo, somente os (as) servidores (as) da UFPR e funcionários (as) FUNPAR tiveram desconto superior ao aprovado na assembleia da categoria.  O SERPRO lançou os 2% de desconto sobre o salário base e, também, sobre a gratificação.Este erro já foi informado ao SERPRO.

Para que o(a) trabalhador não seja penalizado com um desconto que não foi aprovado, a direção do Sinditest estará, a partir do dia 19 de dezembro  até o dia  22 do mesmo mês, fazendo o ressarcimento dos valores cobrados a mais.

Para isso, basta preencher um formulário disponível no site e encaminhá-lo juntamento com o contra-cheque do mês atual para o e-mail [email protected] até o dia 16 de dezembro, às 18 horas. A devolução será realizada diretamente na conta bancária informada. Fique atento(a) aos prazos e ao preenchimento correto das informações!

Clique aqui para fazer o download do formulário.

Compartilhar.

Autor

Leave A Reply

X